Apertos da vida real...

03-01-2016 17:40

    Já lavou, passou e arrumou a toalha de Natal! A sala ainda está repleta de enfeites verdes e rubros e o Pai Natal continua na varanda, à chuva! Dia 6 é o Dia de Reis e, nessa altura ou no fim de semana, a época natalícia vai ser acondicionada nas caixas de plástico que repousam na garagem!

    Janeiro vai acontecendo. Aquele mês gigante e hercúleo onde se fazem e refazem contas ao que não queríamos ter gasto a mais na época das festas. O mês dos saldos que vendem quase tudo aquilo de que afinal não necessitamos, a preços apelativos… Felizmente o carnaval já espreita… sim, é cedo, logo no início de fevereiro para animar um pouco quem dele gosta e para dar uns dias de paragem a “escolantes” (palavra nova para 2016) e afins! E num pulo chega a Páscoa e termina o segundo período… e depois agosto é um ápice… e… socorro! Afinal o ano está a começar e ela já vai a meio do mesmo! É o que dá andar na preparação para regressar à vida real, aquela em que se trabalha e em que se faz muita coisa e em que não há tempo para ver a chuva que cai implacavelmente sobre a cidade, numa tarde de um mês não muito bem amado!

    Hoje está assim, com um ligeiro aperto no coração! Aquele que nos é dado pela nostalgia do querer mudar muita coisa, do querer seguir a vida, do… e do… e do! E depois chove, os topos das casas estão escondidos pela neblina! Não, o aperto não é grave nem preocupante! É só a vontade de que tudo corra bem, de que o ano seja mesmo, mesmo um bom ano, passe ele num ápice, ou não! Bom regresso à vida pessoas, e até já, numa crónica perto de si! :D